Perguntas frequentes

   1. Como posso ter certeza de que o profissional que me atende é um médico?

Para se consultar com algum profissional deve se exigir a identificação de seu CRM, que é o número de registro do médico junto ao Conselho Regional de Medicina. Se você consultar sua saúde visual com alguém que não tenha CRM, estará sendo atendido por alguém que estará comentendo o crime de exercício ilegal da medicina.

 

   2. Se em outros países profissionais que não são médicos podem prescrever óculos, por que aqui não?

Por que cada país tem sua legislação e seu histórico social distinto. No Brasil, o estado democrático de direito depende do respeito às leis e o legislador nacional, há quase 90 anos, entende que somente o médico pode cuidar da saúde visual da população, sob pena de colocar em risco a saúde da sociedade como um todo. O optometrista está terminantemente proibido de atender a população desde 1932 e o STF referendou isso agora.

 

   3. Que problemas posso ter se for examinado por um profissional não médicos?

Várias doenças como diabetes e até mesmo AIDS poderão deixar de ser diagnosticadas. A saúde visual não é independente da saúde geral e, para isso, existe o profissional médico que está tecnicamente apto e legalmente autorizado para realizar o diagnóstico de doenças e o tratamento das mesmas.

   4. O que devo fazer se souber de uma ótica onde são realizados exames de vista?

Enviar uma foto com endereço e, se possível, identificação da pessoa que está realizando os exames para o seguinte endereço:

   5. O que se deve fazer quando identificar uma notícia falsa (fake news) sendo divulgada?

Caso o associado se depare com alguma notícia, postagem ou mensagem falsa que induza o interlocutor à erro, o associado poderá encaminhar a notícia ao Departamento Jurídico do CBO através do e-mail: juridico.brasilia@cbo.net.br com o assunto “FAKE NEWS”. As medidas judicias e extrajudiciais serão tomadas imediatamente.  

Rua Casa do Ator, 1.117 - Cj. 21 - CEP: 04546-004 - São Paulo - SP

Telefone: 55 11 3266-4000

Fax: 55 11 3171-0953

 

© Copyright 2020 - Todos os direitos reservados ao Conselho Brasileiro de Oftalmologia